Mochilão América do Sul – Dia 5

Dia 5 – 17/04/12 – 3ª-feira

—————

Para ouvir:

The Kooks – Seaside

—————

Acordo um pouco depois do amanhecer. Que paisagem linda! Mal saí do país e já penso que a viagem valeu a pena. Minha vontade é descer do ônibus pra tirar umas fotos. Não é o ideal, mas a janela suja e com reflexo serve. Só pra registro, sem problemas.

O ônibus passa por várias cidades. Tenho vontade de parar em todas. San José parece ser bem interior, pequena e calma. Punta Del Este não precisa de apresentações. Não sei se por ser baixa temporada ou ser cedo, mas parece uma cidade-fantasma, completamente vazia.

De novo na estrada, capoto. Acordo já em Montevideo, com a garoa atrapalhando a visão através da janela.

Desço do ônibus com a canadense. Beleza, estou na rodoviária de Montevideo.Tenho que me concentrar para pensar com calma o que tenho que fazer. Vamos lá: pedir informação para saber onde pego o circular até o hostel, trocar dinheiro, tirar esse sorriso bobo da minha cara e tentar completar uma frase no mesmo idioma, sem misturar espanhol, inglês e português. Tá difícil. Cada frase começa em uma língua, passa pra outra e acaba com uma palavra em português. A canadense e a moça do balcão de informações me olham com expressões preocupadas, deixando revelar pensamentos como “ele está bêbado?” ou “coitado, é louco!”.

Bom, onde eu estava? Ah sim, estava em Porto Alegre e agora estou em Montevideo. Já consegui tudo o que queria. Só falta tentar agir sem parecer um mochileiro de primeira viagem. Não vai ser fácil. Estou zonzo com o fato de finalmente estar aqui.

Já no circular com destino ao bairro Ciudad Vieja, onde fica o hostel que pretendo ficar, penso na sorte da canadense. Vai ficar viajando pela América do Sul até janeiro de 2013. São 10 meses, contando o que ela já viajou! Um dia eu consigo.

Chego ao hostel Posada Del Sur. Fica a duas quadras da Rambla, a avenida do mar. A rua é um calçadão. Uma porta antiga, daquelas grandes, chama mais atenção que a plaquinha com o nome do albergue. Faço o check-in, ainda tenho tempo de tomar o café da manhã rapidinho e saio. Caminhando, passo por várias praças, ruas, calçadões e pela Rambla. Minha máquina fotográfica, aos poucos, foi perdendo a timidez, sai da bolsa e fica pendurada em meu pescoço praticamente todo o dia.

Volto ao hostel um pouco antes do anoitecer, quero tirar algumas fotos do telhado do prédio. Daqui dá pra ver Montevideo em um ângulo bem legal.

Tem pouca gente no hostel. Uma argentina que morava na Espanha e veio visitar a família, um francês que não sai do laptop, duas cariocas já indo embora e um africano. Cada um na sua, talvez por ser uma galera um pouco mais velha. Ótimo pra ir pra cama descansar.

Mais fotos no Flickr.

Anúncios

~ por rocisman em 21/10/2012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: